Coluna Luiz Nardelli

Coluna Luiz Nardelli
colunaluiznardelli@gmail.com

segunda-feira, 8 de março de 2010

ARDE MAIS NÃO QUEIMA


Os vereadores de Cascavel parecem sofrer de falta de criatividade (ou seria falta de vontade) para trabalhar. Quando não apresentam nenhum projeto para o desenvolvimento de Cascavel (o mais comum), apresentam projetos que “chovem no molhado”.

Na última sessão, Gilmar Gaitkoski (PSL) queria rever o valor da taxa de sinistro, mas acabou tirando o projeto de pauta depois que recebeu um recado do Executivo sobre um pacotão Legislativo onde serão reduzidos outros impostos para 2011. É esperar para ver...

Além de recorrerem na meleca feita na votação desaprovando e reaprovando a cobrança inconstitucional da Taxa de Sinistro, os vereadores apresentaram nos últimos dias verdadeiros projetos “revolucionários”: a lei antifumo em Cascavel, que na verdade já é lei estadual e o fim do bolão da loteria que já foi reprovado pela Caixa. Isso que é gostar de chover no molhado.

0 comentários: